21 de abril de 2018

   
 O Jornal   |   Contato
 
Colunas

Colunista:

Vilson Schambeck

Doutor Vilson Shambeck, é Cirurgião Dentista com especialidade em Saúde Pública. Com uma forte atuação junto às comunidades de base, discorre sobre diversos assuntos.&l

12/01/2018
Coluna do Vilson

Que todo velhaco comece o ano numa nova vida e pague o que ficou devendo do ano anterior:

Embora a vida seja uma brisa suave que passa diante de nós como num piscar de olhos, para muitos o viver é uma balada de um tom só: EU, EU, EU... Somos uma sociedade que cultua as grifes, você é a marca de carro que dirige, o perfume que usa, a bolsa que carrega, o sapato que calça. Você não é mais você. Você é uma marca fantasia, num mundo projetado pelo departamento de marketing das empresas. Há aqueles que durante o ano pisam, humilham, e sentem prazer no sofrimento alheio. Ostentam uma falsa riqueza. Frequentam colunas sociais, estão na mídia, adoram ser chamadas pelo codinome “Doutor, Vossa Excelência”. Independente de classe social ou religião, essa praga tem se alastrado por todos os lados. Estão nos salões de beleza, bares, jogos de bocha... Em tudo contam vantagem. Coronéis sem ética, generais sem pátria. Amigos não possuem mais, ao seu redor apenas os chacais. Estão cegos, são sepulcros caiados. Sua caridade é como a dos fariseus nos tempos bíblicos, sua religião é apenas uma aparência enganosa. Já não sabem mais a diferença entre verdade e mentira, pois tudo falam, tudo fazem e nada mais importa. Gostaria de ser prefeito, governador ou presidente por apenas um dia e baixar o seguinte decreto: “Doravante estão proibidas toda demagogia, propina e apadrinhamento político. São também ilegais a mentira, a falsidade e a hipocrisia. Ame o outro como a si mesmo o fosse. Revoguem-se as disposições em contrário.” Penso logo existo? Não. Amo, logo vivo! Resumo minha fala em uma frase: não perca a capacidade de indignar-se, pois quando isto acontecer, mesmo que ainda respires, você já estará morto.

 

2018: a promessa continua:


 

 

Rato, cobra e bichos peçonhentos:

É grande o número de lotes tomados pelo mato em nossa cidade. Um risco constante para adultos e crianças...

 

Segurança - Distrito de Estação Cocal pede socorro:

Nas últimas semanas, moradores e comerciantes tem sido alvo de furtos e arrombamentos. Uma das saídas é o monitoramento das câmeras de segurança, tal qual já acontece em outras cidades. O reflexo desta insegurança e o tráfego intenso de caminhões na principal rua da comunidade (principalmente rodotrens) promete ter reflexo nas urnas em outubro deste ano.

 

Estação Vida todo Sábado das 10 ao meio-dia, na sua 87,9 FM de Estação Cocal:

Notícia e informação ao alcance de todos. Participe pelo (48) 3434-4741 ou pelo site www.radioestacaococal.com.br

 

Polícia intensifica a fiscalização do trânsito, na João de Rocchi:

 

 

Olaria da alma:

A melhor religião é o EXEMPLO: se tratou, cumpra; se mentiu, fale a verdade; se comprou, pague!

 




comentrios

Sem comentrios, adicione o seu!

Deixe seu comentrio sobre esta coluna:
De:
Comentrio:
   
 
colunas relacionadas

Publicidade


© 2011 JORNAL O MUNICIPIO - Todos os direitos reservados - Produzido por